Menu
Busca domingo, 28 de fevereiro de 2021
Busca
São Luís
29ºmax
25ºmin
Control
Mercado da bola

Janela de transferências encerrada

Confira as principais contratações do último dia na Europa

06 outubro 2020 - 16h55Por Felipe Mina

Nesta segunda-feira (5) a janela de transferências das maiores ligas do futebol europeu se encerrou, dando fim ao período de contratações dos clubes até o meio da temporada, na janela de inverno (europeu), exceto para jogadores sem contrato. 

Devida a pandemia, e altos meses de atraso sem futebol, esse período se estendeu. Costumeiro entre os meses julho, agosto e setembro, desta vez durou até este mês de outubro.  

Uma das maiores novelas desta vez, tratou-se de Edinson Cavani, com seu vínculo com o PSG não renovado ainda em julho, nem ao menos o prorrogando até o final da Liga dos Campeões. Neste ínterim, o uruguaio foi especulado em diversas equipes, não só no velho continente, como também no Brasil, caso do Grêmio, que o soldou. Por fim, o uruguai decidiu seu destino para o Manchester United por um ano, sem custos de transação aos Red’s.

O mesmo destino para o lateral Alex Telles, da seleção Brasileira, que chega a Inglaterra depois de se destacar com a camisa do Porto, e chega para resolver o problema da inconstância do setor.

Outro brasileiro que mudou da casa, mas essa já conhecida, foi o Douglas Costa, que sai de empréstimo da Juventus (ITA), para retornar ao Bayern de Munique, onde atuou por três anos. Para substituí-lo, a Velha Senhora trouxe a promessa da seleção italiana e da Fiorentina, o atacante Federico Chiesa.

Filho de Mazinho e irmão de Thiago Alcântara, Rafinha é outro brazuca de mudança, emprestado do Barcelona para o PSG. Com ele, ainda chegaram o volante Danilo Pereira, do Porto e seleção portuguesa, e o atacante italiano Moses Kean, vindo do Everton (ING).