AO VIVO
Menu
Busca sábado, 12 de junho de 2021
Busca
São Luís
29ºmax
23ºmin
Correios Celular - Mobile
Internacional

Pelo menos três palestinos foram mortos em um ataque israelense na ocupada Cisjordânia

Dentre os mortos estão dois oficiais de Inteligência Militar Palestina da Autoridade Palestina, que controla a Faixa de Gaza

11 junho 2021 - 17h01Por Elisângela Silva Bispo Lima
Pelo menos três palestinos foram mortos em um ataque israelense na ocupada Cisjordânia

Segundo a agência árabe de notícias Al Jazeera, as forças israelenses mataram a tiros pelo menos três palestinos, incluindo dois oficiais da inteligência militar da Autoridade Palestina (AP), em um ataque na madrugada de quinta-feira (10).

O Ministério da Saúde palestino identificou os dois oficiais como Adham Yasser Alawi, de 23 anos, e Tayseer Issa, de 32 anos, e a terceira vítima foi Jamil al-Amuri.

Outro oficial palestino, Muhammad al-Bazour, de 23 anos, foi gravemente ferido durante a missão secreta israelense e foi transferido para um hospital israelense, de acordo com a agência Wafa de notícias.

Um vídeo divulgado pela Associated Press mostraria oficiais palestinos se escondendo atrás de um veículo, enquanto trocam tiros com forças israelenses disfarçadas, segundo eles.

Milhares de enlutados saíram às ruas da cidade de Jenin para participar do cortejo fúnebre de Alawi, enquanto os preparativos para o enterro dos outros dois homens mortos também estavam em andamento.

foto capa IASRAEL

Escalada perigosa de Israel

Um porta-voz do presidente palestino Mahmoud Abbas condenou o que chamou de "perigosa escalada israelense", dizendo que os três foram mortos por forças especiais israelenses que se disfarçaram de palestinos durante as operações secretas.

O porta-voz Nabil Abu Rudaina exortou a comunidade internacional e os Estados Unidos a intervir para impedir tais ataques. Israel ainda não respondeu aos questinamentos, mas um oficial israelense disse que os oficiais palestinos foram mortos em fogo cruzado.

Testemunhas no terreno dizem que as forças israelenses também dispararam contra membros da inteligência militar palestina – “oficiais que estavam perto da cena, do lado de fora de seu prédio de segurança”, segundo a agência Al Jazeera.

A mídia israelense diz que Israel revidou os ataques em sua direção, embora os dois oficiais da inteligência militar palestina tenham sido mortos e um terceiro esteja gravemente ferido.